Vamos conhecer sobre a importância da vigilância nas lições que Jesus nos ensinou na parábola da figueira sem folhas. Essa metáfora está no livro de Lucas, e ela nos ajuda a refletir sobre como viver conforme a Palavra de Deus.

Nessa passagem, Jesus compartilha um ensinamento profundo sobre o significado da figueira sem folhas e o que podemos aprender com ela em nossas vidas. 

Neste artigo, mostraremos porque Jesus contou essa história, seu significado e dez lições práticas que podemos extrair dela para nossa caminhada cristã.

O que motivou Jesus a contar essa parábola?

Quando Jesus contou essa história, Ele estava no Monte das Oliveiras com Seus discípulos, e eles estavam contemplando o templo de Jerusalém, que era uma imponente estrutura religiosa e cultural da época. 

No entanto, o contexto ficou um pouco tenso, com Jesus alertando sobre a destruição do templo e eventos futuros. Afinal, os discípulos ainda não conseguiam compreender perfeitamente as mensagens de Jesus.

A Parábola da Figueira Sem Folhas

Jesus disse: “Olhai para a figueira e para todas as árvores. Quando começam a brotar, ao observá-las, sabeis por vós mesmos que o verão já está próximo. Igualmente, quando virdes estas coisas acontecerem, sabei que o Reino de Deus está próximo.” (Lucas 21.29-31)

Qual a explicação e significado dessa parábola?

A figueira sem folhas é um símbolo poderoso na parábola. Isso porque as figueiras, quando começam a brotar folhas, indicam a proximidade do verão. Da mesma forma, Jesus nos ensina que, ao observarmos os sinais dos tempos e as profecias sendo cumpridas, podemos entender que o Reino de Deus está próximo.

Agora, vamos conhecer algumas lições que podemos extrair da parábola da figueira sem folhas.

1. Estar atento aos sinais

A primeira lição que podemos aprender é a importância de estarmos atentos aos sinais dos tempos. Por isso, Jesus nos exorta a observar os acontecimentos ao nosso redor, tanto na sociedade quanto na esfera espiritual. Dessa maneira, conseguiremos discernir os propósitos de Deus sendo cumpridos.

2. Vigiar em oração

Outra lição, é sobre a necessidade de vigilância espiritual. Assim como a figueira nos indica a chegada do verão, estar vigilante em oração nos permite discernir e nos preparar para os eventos que marcam a volta de Cristo.

3. A importância da perseverança

A figueira sem folhas pode parecer desoladora, mas é um lembrete de que nem tudo é como aparenta ser. Da mesma forma, devemos perseverar em nossa fé, mesmo quando enfrentamos momentos difíceis ou aparentemente estéreis, confiando que Deus está trabalhando em nossas vidas.

4. Aprender com a Natureza

Jesus frequentemente utilizava elementos da natureza em Suas parábolas. Aqui, Ele nos ensina a observar a natureza como uma forma de aprender lições espirituais e reconhecer o cuidado e a soberania de Deus em todas as coisas.

5. Confiar na Palavra de Deus

Assim como a figueira brota folhas conforme a determinação de Deus, podemos confiar que a Palavra de Deus é verdadeira e cumpre Seus desígnios. 

Então, devemos basear nossas vidas nessa Palavra para que possamos crescer e florescer espiritualmente.

6. Responsabilidade como administradores

A parábola nos lembra de nossa responsabilidade como administradores dos recursos que Deus nos concede. Assim como a figueira deve dar fruto, também devemos usar nossos talentos e recursos para o serviço do Reino de Deus.

7. Antecipar a vinda de Cristo

Ao nos chamar a observar os sinais e a estar vigilantes, Jesus nos exorta a antecipar Sua segunda vinda. Essa expectativa, portanto, deve moldar nosso comportamento e motivação para vivermos uma vida piedosa e comprometida com Deus.

8.  Não se decepcionar com aparências

A figueira sem folhas pode parecer infrutífera à primeira vista, mas Jesus nos ensina a não nos deixarmos enganar pelas aparências superficiais. 

Às vezes, podemos passar por períodos de aparente esterilidade ou deserto, mas Deus está sempre trabalhando em nosso interior, preparando-nos para frutificar no momento oportuno. 

Por isso, não devemos nos desencorajar diante das circunstâncias, mas confiar que Deus está agindo ainda que não vemos.

9. Tempo de oportunidade e responsabilidade

A figueira na parábola mostra o momento oportuno para o verão, e essa noção de tempo é crucial para compreendermos nossa responsabilidade. 

Assim como a árvore tem seu tempo próprio para produzir frutos, nós também temos um tempo limitado nesta vida para cumprir nosso propósito e servir a Deus.

Nisso, a parábola nos chama a valorizar cada momento, sendo diligentes e buscando fazer o bem enquanto temos a oportunidade.

10. O propósito da revelação divina

A parábola da figueira sem folhas também nos ensina sobre o propósito da revelação divina na história da humanidade. 

Assim como a figueira brota folhas, indicando o verão, os acontecimentos e sinais profetizados na Bíblia nos mostram o cumprimento dos planos de Deus para a redenção e o estabelecimento de Seu Reino. 

Daí, podemos usar a revelação divina para nos guiar e nos apontar o caminho para a salvação e a esperança eterna em Cristo Jesus.

Leia também: 12 personagens do Antigo Testamento que foram instrumentos de Deus em momentos cruciais.

Sobre o Autor

Josiane Silva
Josiane Silva

Olá, eu sou a Josiane Silva, mãe, avó e procuro servir a Deus. Amo estudar a bíblia para compreender o comportamento humano. Afinal podemos aprender muito com as histórias dos outros, não é mesmo? Como gosto muito de ler e de escrever, também trabalho como redatora freelancer.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicitar exportação de dados

Use este formulário para solicitar uma cópia de seus dados neste site.

Solicitar a remoção de dados

Use este formulário para solicitar a remoção de seus dados neste site.

Solicitar retificação de dados

Use este formulário para solicitar a retificação de seus dados neste site. Aqui você pode corrigir ou atualizar seus dados, por exemplo.

Solicitar cancelamento de inscrição

Use este formulário para solicitar a cancelamento da inscrição do seu e-mail em nossas listas de e-mail.